Acne-Espinha-Dr-Alexandre-Lima-Dermatologista-Belo-Horizonte-BH-Mulher

Acne (Espinha)

As espinhas sempre foram um grande problema para todos. Muitas pessoas sofrem por causa da acne e dos cravos no rosto, é claro que todos, em algum momento, já se perguntaram sobre como acabar com as espinhas no rosto, ou como tratar as manchas de espinhas. Eu vou agora tirar um pouco dessas dúvidas.

A acne (espinha) é uma doença causada devido à inflamação dos folículos (pilosebáceos0, ou mesmo apenas pelo acúmulo de sebo no seu interior.

A acne pode se manifestar desde comedões (cravos), pápulas, pústulas (espinhas com pus) e até nódulos (acne nodular). Normalmente é classificada em várias graduações, relacionadas com a gravidade da caso. É possível o surgimento das Espinhas em qualquer idade, desde a infância até a vida adulta. A grande maioria dos casos de acne surgem na adolescência. A incidência de acne na vida adulta é maior nas mulheres, chamadas de Acne da Mulher Adulta.

Acne-Tratamento-Acne-Cravo-Espinha-Dermatologista-BHResumidamente, a acne tem algumas causas definidas: alteração da ceratinização, aumento na produção de sebo, infecções bacterianas (principalmente o Propionibacterium acnes), alterações hormonais.

Acne e Alimentação

Aqui cabe retirar um mito importante: alimentação. Os estudos clínicos científicos ainda não mostraram, até o momento, uma relação clara de alimentos com espinhas. Alguns estudos mostram pequena relação com acne, enquanto outros dizem que o consumo de qualquer alimento não provoca acne. Existe alguma correlação com certos tipos de gordura/óleos específicos e também alguns suplementos.

Nessas situações uma possível recomendação é observar o seu caso. Se um alimento piora as espinhas, evite aquele alimento. Se não observa qualquer alteração das espinhas, não há porque evitar qualquer alimento.

Vou me concentrar agora em explicar um pouco sobre o tratamento da acne. Quero deixar claro que apresentarei idéias gerais de como são os tratamentos, pois cada pessoa deverá consultar o seu médico, pois só o Dermatologista poderá decidir qual será o melhor tratamento para suas espinhas e os efeitos que elas causam como manchas na pele, cicatrizes de acne, etc.

Alimentação:

Como foi dito, a acne (espinhas e cravos) não tem relação com a alimentação, sendo assim, a princípio não há necessidade de qualquer restrição. Entretanto é comum que algumas pessoas notem o aumento com determinados alimentos. A orientação é que, se essa mudança for muito clara, ou seja surgirem muitas lesões de acne quando utiliza determinada comida, você deve evite aquele alimento particularmente.

Os tratamentos visam combater aquelas alterações que propiciam o aparecimento das acnes, ou espinhas, os remédios para tratamento das epinhas atuam nas seguintes alterações:

  • Alteração da Ceratinização: são utilizados medicamentos que promovem uma diminuição da camada de células mortas (camada córnea) da pele. Se essas camadas estão muito espessadas, aumentadas, é mais comum a obstrução dos poros e folículos da pele, formando os cravos e consequentemente a acne. É por isso que, grande parte dos medicamentos e cosmecêuticos que tratam do espessamento acabam causando um pouco de descamação da pele.
  • Aumento da Produção Sebácea, aumento da oleosidade da pele, ou oleosidade excessiva da pele: a maioria das pessoas em nosso país, principalmente os jovens, adolescentes, tem uma pele mais oleosa e naquelas pessoas com acne, isso tende a ser exagerado. A oleosidade excessiva faz com que haja uma maior acúmulo de sebo dentro dos folículos, facilitando a obstrução dos mesmos, com isso há a formação dos cravos e comedões, que vão evoluir para espinhas. Alguns medicamentos vão atuar diretamente no tratamento da oleosidade excessiva.
  • Infecção Bacteriana: o principal agente de infecção da pele, nas espinhas é o Propionibacterium acnes. Esta é uma bactéria e, ao contrário do que muitos pensam, não é um ácaro. Quando há a infecção a inflamação é mais forte, levando a formação de pústulas (acne com pus) ou cistos, que são lesões maiores no rosto, levando mais facilmente à formação de cicatrizes de acne no rosto.
  • Alteração hormonal: esses casos de acne são mais complexos, necessitam da avaliação conjunta do dermatologista e de um endocrinologista.

Acne (Espinha)
5 (100%) 1 vote

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *